Mostrando postagens com marcador limão. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador limão. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

quibe de peixe

ingredientes:
500 g de pescada limpa ou outro peixe sem espinha
1/2 xícara/chá de coentro ou a mesma medida de salsinha
2 colheres/sopa de azeite
1 xícara/chá de trigo para quibe, triguilho ou bulgur
1/2 xícara/chá de água
raspas de 1 laranja pequena
raspas de 1 limão
1/2 xícara/chá de nozes picadas
sal e pimenta-síria a gosto
2 cebolas
azeite

preparando:
siga a instrução na embalagem do trigo, que geralmente deve ser lavado e deixado de molho por 1 ou 2 horas.
preaqueça o forno a 180ºc.

pique bem com uma faca o peixe junto com o coentro/salsinha ... bem picadinho. reserve.
corte a cebola em tiras, refogue no azeite, até caramelisar.
escorra o trigo, bem escorrido, e leve para uma tigela.
junte o peixe, a água, as raspas de limão e laranja, as nozes e a cebola dourada.
tempere com sal e pimenta-síria.
misture bem.
unte uma forma refratária com azeite/uma camada fina, sem excessos.
cubra o fundo da forma com a massa do quibe, aperte e alise a superfície com a mão umedecida em água.
com uma faquinha, risque o quibe desenhando losangos.
regue a massa com as 2 colheres de azeite.
leve ao forno preaquecido e deixe assar por 30 minutos.
sirva o quibe frio ou quente, acompanhado de gominhos de limão e/ou de salada de pepino temperada com salsinha, iogurte e limão.

abracadabra et, voilà!!!

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

bolo de limão com gelatina ... diferente, simples, fácil, delicioso!!!

ingredientes:
4 ovos inteiros
1 copo/embalagem/200 ml de iogurte natural
a mesma medida de óleo
1 caixinha de gelatina sabor limão
1 pacote de preparado para bolo, sabor limão
1 colher/sopa - rasa - de fermento químico em pó

preparando:
pré-aqueça o forno a 180º - acenda o forno na temperatura máxima, deixe assim por 15/20 minutos, baixe pra 180º ou equivalente ... pronto!!!

unte uma assadeira retangular/redonda, com manteiga e farinha de rosca.

bata no liquidificador todos os ingredientes, até obter uma massa homogênea - coloque o fermento depois que a massa estiver bem batida, e bata por tempo suficiente pra misturá-lo.
coloque a massa na assadeira untada, leve ao forno pré-aquecido e asse por 30/40 minutos ou até que, enfiando um palito, ele saia limpinho.

cobertura:
misturar 2 xicaras/chá de açúcar de confeiteiro, suco de 3 limões - pode ser qualquer limão, mas o siciliano é mais saboroso - derramar a mistura sobre o bolo ainda quente, e enfeitar com raspas de limão.
quando faço este bolo, deixo na assadeira até terminar.

abracadabra et, voilà!!!

segunda-feira, 2 de setembro de 2013

bolo de iogurte

ingredientes:
500 g de iogurte natural
500 g de farinha de trigo ou de arroz
200 g de açúcar demerara
125 g de manteiga derretida
4 ovos
2 colheres - chá - de fermento químico em pó
raspas da casca de um limão
para a cobertura, suco de 1 limão, adoçado

preparando:
pré-aqueça o forno a 180 graus - ligue no máximo, e depois de 15 ou 20 minutos mude pra 180 graus. unte uma forma de buraco no meio. com manteiga e farinha de rosca ou açúcar demerara.

com o auxílio de um fouêt, ou no liquidificador, comece batendo os ovos até criar uma espuminha, e misture todos os ingrediente, menos a farinha.
depois de bem batido, leve pra uma tigela e junte a farinha e o fermento, mexendo bem pra deixar uma massa lisa e homogênea.
despeje na forma untada e leve para assar, por 45 minutos ou até que o palito saia limpinho.

depois de assado, deixe esfriar um pouco, desenforme e, ainda quente, perfure todo o bolo com um palito de madeira e regue com o exuberante suco de limão adoçado.

divirta-se!!! cozinhar é o maior barato!!!

abracadabra et, voilà!!!

requeri/regina claudia

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

salada israelense - salat yerakot yisraeli

a salada de israel, assim como outros alimentos israelenses, é comum em grande parte do mediterrâneo e do mundo árabe.

sua origem, na verdade, é a salada árabe, a salada palestina. o que é conhecido em nova york como salada de israel é, na verdade, a salada palestina rural, e este é um exemplo da adoção de alimentos palestinos por israel.

a salada feita pelos judeus da índia recebe a adição de gengibre picado e pimenta verde. os judeus do norte da áfrica adicionam casca de limão, e pimenta caiena, e os judeus de bukhara/uzbequistão cortam os legumes extremamente finos e usam o vinagre, e não usam o óleo, no tempero.

semelhante à salada israelense encontrada no oriente médio, é a salada persa que inclui a hortelã, a cebola picada, e pepinos descascados.

a salada de israelense, muitas vezes, faz uma aparição na literatura sobre israel.

sendo assim, dá pra variar ou misturar tudo pra satisfazer a todos os paladares.
ingredientes:
1 limão siciliano
4 tomates firmes cortados em cubos pequenos
3 pepinos com casca cortados em cubos pequenos
salsinha picada a gosto
1 pimentão verde picado - retire a fibra branca do interior do pimentão, não ficará indigesto
1 pimentão vermelho picado - retire a fibra branca do interior do pimentão, não ficará indigesto
1 cebola roxa cortada em cubos pequenos
1 dente de alho picado
ricota e pão pra acompanhar

preparando:
rale a casca do limão e extraia o suco da metade dele. misture a casca com o suco. reserve.
em uma travessa junte os tomates, os pepinos, a cebola e o alho, tempere com a mistura de limão com casca e sirva com pão e ricota.
uma boa opção para o tempero da salada é um molho de iogurte.

ingredientes e preparo do molho de iogurte:
1/2 copo de iogurte desnatado
1 colher de sopa azeite
suco de 1/2 limão siciliano misturado à raspa de 1 limão siciliano inteiro
1/2 cebola
2 dentes de alho amassados
sal a gosto
pimenta do reino branca e óregano a gosto

abracadabra et, voilà!!!
requeri/regina claudia

terça-feira, 6 de setembro de 2011

mousse de limão


a maioria das receitas, cujo principal ingrediente é o limão, eu faço com limão siciliano. sua cor, seu sabor, são as principais razões.

conheça os benefícios do limão

ingredientes:
1 envelope de gelatina em pó incolor, sem sabor
1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite
3 ovos
raspas de 1 limão
suco de 3 limões
fatias e raspas de limão para decorar - opcional

nota do assadeira: caso você prefira a gelatina em folha, saiba que 1 envelope de 12g da gelatina em pó, equivale a 5 folhas de gelatina, e que 1 colher de chá de gelatina em pó equivale a 1 folha de gelatina.

preparando:
unte uma travessa com óleo, e retire o excesso com papel toalha.
bata as claras em neve. reserve.
dissolva a gelatina conforme orientação do fabricante. reserve.
misturar com mixer ou bater no liquidificador, o leite condensado, as gemas e as raspas de limão.
acrescentar a gelatina, o suco dos limões e o creme de leite.
passe para um outro recipiente e acrescente as claras em neve, misturando bem e com delicadeza.
despeje na travessa untada e leve à geladeira por 3 horas ou durante a noite. enfeite com raspas e rodelas de limão e sirva gelada.

requeri/regina claudia

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

bolo de limão ... um limão, mil limões, um milhão de limões ...

um limão, dois limões, meio limão.
um limão, mil limões, um milhão de limões.
os trava-línguas são uma modalidade de parlenda - brincadeira infantil que tem a palavra como principal elemento - e consiste em dizer, rápida e claramente, versos ou frases curtas, sem música.
os trava-línguas aperfeiçoam a pronúncia, divertem, ajudam na concentração. são a manifestação oral que utiliza um grupo de palavras, rimadas ou não que, ditas rapidamente, dificultam a articulação, pois, movimentam a língua com uma rapidez à qual não estamos habituados.
os trava-línguas brincam com som, com grafia, e com o significado das palavras. eles têm sononoridade, cadência e ritmo que encantam adultos e crianças.


ingredientes:
3 ovos
1/2 xícara - chá - de óleo
2 xícaras de açúcar cristal
3/4 de xícara - chá - de leite
1/4 xícara - chá - de suco de limão siciliano
raspas de 1 limão siciliano
1 colher  - sopa - de fermento em pó
2 xícaras - chá - de farinha de trigo integral ou da refinada, ou 1 xícara de cada uma delas
1 colher  - café - de sal

ingredientes da cobertura:
2 xícaras - chá - de açúcar de confeiteiro
5 colheres - sopa - suco de limão siciliano
raspas de limão siciliano

preparando: 
unte, com margarina, uma assadeira redonda ou uma forma de buraco no meio, e polvilhe com farinha de rosca.
ligue o forno. ele precisa estar pré-aquecido em temperatura média. aqui em casa significa estar na marca dos 180 graus.
bata tudo no liquidificador. coloque na forma untada e enfarinhada
e deixe assar por 40 minutos, ou até que enfiando a faca, ela saia limpinha.
quando for cobrir o bolo, caso tenha assado na assadeira redonda, não desenforme, com o bolo ainda quente, dentro da assadeira, despeje a cobertura, espere esfriar, corte em quadradinhos, e arrume numa travessa.
caso tenha feito o bolo numa forma de buraco no meio, desenforme assim que conseguir, e espalhe a cobertura.
prepare a cobertura, misturando numa tigela, o açúcar de confeiteiro com o suco de limão, até que fique uma pasta uniforme, e coloque sobre o bolo ainda quente. salpique com as raspas de limão.

nota do assadeira: a receita pede limão siciliano, porque é o da minha preferência, mais cheiroso, amarelo, mais saboroso. porém, pode ser usada qualquer variedade.

requeri/regina claudia

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

a gente merece um doce

é notável a familiaridade dos adoçantes artificiais com pessoas que fazem uso deles por questão de saúde, porque estão acima do peso, e até pelos magros, como prevenção.

pela/na web/internet, os textos incluindo pesquisas, ou não, são inúmeros e discurssam sempre pelo mesmo caminho: nada de exageros, faça uso consciente, os edulcorantes - os adoçantes artificiais - fazem mal, o açúcar faz mal, o ideal é utilizar açúcar mascávo, bom mesmo é não adoçar, ...
colecionei boa quantidade de opiniões, e sugiro que leiam:

  1. Benefícios e cuidados na hora de utilizar um adoçante

  2. Entenda as diferenças entre os principais tipos de açúcares e adoçantes

  3. Adoçantes artificiais

  4. Adoçantes artificiais e naturais
tudo com o propósito de abrir caminho para uma receita deliciosa de bolo. afinal, um bolinho adoçado com algum daqueles adoçantes recomendados aos que não querem recolher algum peso em seus corpinhos esbeltos, ou aos que estão tentando deixar de lado os quilos a mais, indesejáveis, não há de fazer mal.
faz mal, o exagero.
costumo utilizar na culinária, o açúcar união light. ele adoça o dobro. recomendo que na receita a seguir, vcs façam o mesmo.




bolo de iogurte com limão

ingredientes
1 pote de iogurte natural desnatado - o copinho vai servir como medida pra outros ingredientes desta receita
1/2 copo de óleo de canola
1 copo de açúcar light ou adoçante artificial - seja qual for, deve ser granular
2 copos de farinha de trigo integral ou branca
3 ovos
1 colher de sopa de fermento químico
casca ralada de 1 limão

mãos à obra!!!
ligue o forno na temperatura média - 180 graus.
unte uma forma de buraco no meio.
bata as claras em neve.
em outra travessa bata todos os outros ingredientes: açúcar, gemas, iogurte, óleo, farinha.
pare de bater acrescente as raspas de limão, misture.
acrescente o fermento, misture.
leve ao forno para assar até que o palito saia limpinho.

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

bolo na caneca, nova geração ... o castigo final, e suas variações

depois do texto, curtinho e importante, as receitas de hoje:
bolo de leite de coco
bolo de chá verde
bolo de laranja ou limão

se o assadeira não fosse quem é, eu não saberia o que fazer com tanta receita de bolo na caneca.
ainda mais agora que alguns leitores apresentaram dúvidas sobre a utilização da farinha integral em suas receitas ou, pior ainda, alguns estão deixando de fazer, porque não querem usar a farinha de trigo branca, refinada.
acalmai-vos!!!
a maioria dos meus bolos, na caneca ou na forma convencional, eu os faço com açúcar mascavo em lugar do açúcar refinado ou cristal, e com farinha integral, com farinha de aveia, com farinha de soja, centeio, ou qualquer outra, misturada ou não à farinha refinada.
não existe qualquer impedimento para tal modificação.
as medidas permanecem as mesmas.
portanto, fiquem à vontade e substituam ou misturem sempre que quiserem, aqueles ingredientes com/aos outros, e criem alimentos muito mais saudáveis.

o açúcar comumente utilizado aqui no lar, é o açúcar cristal. em bolos, utilizo o açúcar mascavo, misturado, ou não, ao açúcar cristal. ambos - juntos ou separados - presenteiam o bolo com um meladinho como cobertura.
seguindo as dicas que apresentei acima, qualquer bolo simples, vira uma iguaria especial e elogiada.

o que dizer sobre açúcar mascavo???


e sobre a farinha de trigo integral???


dica importante: colocar pedaços de goiabada, pedaços de banana ou bananada, pedaços de maçã sem casca, uvas passas, frutas cristalizadas, na massa, antes de assar, deixa o bolo na caneca mais interessante. experimentem!!!




bolo de leite de coco

ingredientes:
1 ovo pequeno
2 colheres (sopa) de leite de coco
2 colheres (sopa) de leite
3 colheres (sopa) de óleo
4 colheres (sopa) rasas de açúcar
5 colheres (sopa) rasas de farinha de trigo
1 colher (sopa) rasa de coco ralado
1 colher (café) de fermento em pó

cobertura:
2 colheres (sopa) de açúcar de confeiteiro
3 colheres (chá) de leite de coco
coco ralado a gosto

como preparar???
unte uma caneca com óleo e farinha de rosca misturada a um pouquinho de coco ralado, e reserve.
noutra caneca despeje o ovo inteiro e bata. em seguida, junte o óleo, o
açúcar, o leite de coco e misture bem. acrescente a farinha, o fermento e
mexa até a massa ficar uniforme. passe a massa para a caneca untada, leve por três minutos ao microondas na potência máxima.
cubra o bolo com a mistura de leite de coco e açúcar de confeiteiro e polvilhe com coco ralado.




bolo de chá verde

ingredientes:
1 ovo pequeno
3 colheres (sopa) de óleo
4 colheres (sopa) de açúcar
4 colheres (sopa) de leite
1 colher (chá) de chá verde
5 colheres (sopa) de farinha de trigo
1 colher de café de fermento

cobertura:
2 colheres (sopa) de açúcar de confeiteiro
1 colher (chá) de chá verde em pó

como preparar???
em uma caneca ponha o ovo e bata com o garfo. adicione o óleo, o
açúcar, o leite e o chá e misture. junte a farinha e o fermento e mexa
devagar até incorporar todos os ingredientes. leve por três minutos ao
microondas na potência máxima.
cubra o bolo polvilhando o açúcar de confeiteiro e o chá verde.

para colorir a receita, basta adicionar 1 colher (café) de gelatina do sabor de sua preferência.




bolo de laranja ou limão

ingredientes:
1 ovo pequeno
3 colheres (sopa) de óleo
4 colheres (sopa) rasas de açúcar
4 colheres (sopa) de suco de laranja ou 2 colheres de suco de limão
5 colheres (sopa) rasas de farinha de trigo
1 colher (café) de fermento em pó

cobertura:
2 colheres (sopa) açúcar de confeiteiro
3 colheres (chá) de suco de laranja

como preparar???
numa caneca coloque o ovo, e bata com o garfo. adicione o óleo, o açúcar e o suco de laranja e misture. agregue a farinha, o fermento e misture até uniformizar. leve por três minutos ao microondas em potência máxima. cubra o bolo com a mistura de açúcar de confeiteiro e suco de laranja ou limão, dependendo da receita.




quinta-feira, 29 de julho de 2010

crie sua horta suspensa


a falta de espaço, a praticidade, a originalidade são agentes facilitadores pra uma proeza engraçada: criar uma horta vertical, utilizando uma sapateira.
garimpando verdurinhas para o blogg, deparei com aquilo que chamou a atenção pelo inusitado, e por abrigar particularidades bizarras, a ponto de minimizar as diferenças existentes entre, uma horta num quintal, e uma horta no interior de um apartamento.
a horta na sapateira é fácil de criar, fácil de manter, e se adapta a qualquer parede ou porta de uma casa ou apartamento.
encontrei num blogg, o rainha da sucata -
aqui - fotos, e a explicação, direitinho, de como fazer brotar verdurinha onde, antes, brotava sapato.

horta é o nome de uma cidade portuguesa.
horta é a tradução pro grego moderno de χόρτα, ou χόρτο, no plural.
horta significa grama, ou vegetais verdes.
a grécia é uma horta a céu aberto. a fartura do verde inclui desde ervas daninhas e não comestíveis para humanos e animais, até as folhas frescas da alcaparra, a chicória, o tomilho, orégano, menta, alho, cebola, endro e folhas de louro, manjericão, funcho ... existe uma infinidade de tipos que crescem dependendo da região e da estação. a culinária grega é, fundamentalmente, vegetariana, muita sopa, muita salada, e tudo temperado com muito limão e azeite de oliva.
os vegetais salvaram o povo grego da fome em situações difíceis da história, como a segunda guerra.

cria uma hortinha suspensa, colhe algumas verduras fresquinhas e faz uma salada grega:


verduras frescas da sua escolha
2-3 colheres - sopa - de azeite de oliva
3 dentes de alho amassados ou picados
1 xícara - chá - de água com 1/4 colher - chá - de sal marinho
pimenta preta, fresca ralada
limão cortado, dependendo de quantas pessoas você convidar

lave as verduras e não precisa secá-las.
doure o alho no azeite, sem queimar. quando ele começar a mudar a cor, adicionar as verduras e mexer bem. adicione a água e deixe ferver por 5 minutos. retire a verdura com uma escumadeira, escorrendo a água. sirva com o limão, separadamente, para que cada començal esprema o suco fresco sobre os verdes, e ao seu gosto.